Cachorro Abandonado


Você já encontrou um cão abandonado?  Não é uma coisa bonita de se ver.  Ele anda de um lado para outro, farejando o ar, olhando em todas as direções, nervoso, procurando…  Tenta cheirar todos que passam, na tentativa inútil de reconhecer o seu dono.  Vai para a frente, volta, para, tenta entrar em qualquer carro cuja porta se abra perto dele, mas não consegue.  Senta, cansado, olhar distante, úmido, triste.

Os cães não derramam lágrimas, mas choram.  Nos olhos de um cão, é possível identificar a dor, o medo, a decepção.  Mesmo assim, ele quer o seu dono de volta.  Não é que ele perdoe o abandono; ele simplesmente não compreende que foi abandonado e só o que deseja é voltar para o único lar que conhece, ao lado das pessoas em quem confia.  Como isso é impossível, sua única chance é encontrar alguém que queira e possa ficar com ele.  E mesmo sendo outra pessoa, ele vai.  Os cães têm isso de bom: sabem reconhecer quem gosta deles, embora não possam prever até quando…

Sem contar que todo mundo fala de quem abandona seu cão. Com certeza, nada de bom, lançando energias de revolta, raiva, tristeza.  E como existe ainda um poderoso elo entre o cachorro e seu antigo dono, lá se vai essa energia, uma forma-pensamento nada agradável, que descarrega no destinatário fluidos bem desconfortáveis.

Pode ser que o cão encontre um novo dono, assim como o seu ex-dono arranje um outro cachorro para, no ano seguinte, abandoná-lo novamente, quando quiser viajar, por exemplo.  Honestamente, e com todo respeito às escolhas de cada um, essa não é uma conduta das mais edificantes.  Animais não são descartáveis, não são coisas inanimadas.  São seres vivos, sentem…  E o que mais desejam é ser amados, porque amor, eles têm de sobra para dar, e sem pedir nada em troca.

Não seja mais um a se comprometer com as leis da vida, rompendo o equilíbrio da natureza. Se não está preparado para fazer pequenas renúncias em função de um animal, não tenha.  A vida nada irá lhe cobrar se você recusar criar um cão ou um gato, mas a cobrança da sua consciência, se você abandonar seu animalzinho, pode ser implacável.

Abandonar é um ato de profundo desamor, e isso já tem demais no nosso mundo.  Portanto, adote atitude inversa:  AME e demonstre seu amor e respeito pela vida:

NÃO ABANDONE SEU ANIMAL!

Comentando, você enriquece o texto e partilha sua opinião com os próximos leitores.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s